terça-feira, 15/05/2012
Imprensa

Secretaria da Educação do Estado vence júri popular do 8º Prêmio Mario Covas

Ao todo, cinco projetos desenvolvidos na rede estadual de ensino estão entre os destaques da premiação Cinco projetos da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo tiveram destaque no Prêmio Mario Covas, entregue quinta-feira (10/05), no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista. A Pasta foi a grande vencedora da categoria voto popular, uma das […]

Ao todo, cinco projetos desenvolvidos na rede estadual de ensino estão entre os destaques da premiação

Cinco projetos da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo tiveram destaque no Prêmio Mario Covas, entregue quinta-feira (10/05), no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista. A Pasta foi a grande vencedora da categoria voto popular, uma das novidades da 8ª edição da premiação, com “Concurso de Remoção”, que recebeu 709.848 dos 3,9 milhões de votos dos internautas.

Até 2009, os interessados em fazer a remoção se inscreviam manualmente. A partir da publicação do Decreto nº 55.143/2009, as inscrições começaram a ser realizadas via internet, por meio de um sistema capaz de fazer o gerenciamento das informações. Com as modificações, os entraves burocráticos foram abolidos de forma significativa.

“Foi muito trabalhoso, especialmente a parte da implantação, até que todos entendessem a proposta. Mas foi um trabalho de equipe e compensou muito. É ainda mais gratificante receber um prêmio por voto popular, porque é um sinal de que a rede reconheceu o projeto”, declara Rosa Mieko Nakashima Fukase, diretora de Departamento de Planejamento e Normatização da Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos (CGRH).

O projeto concorria na categoria Inovação em Gestão Estadual, na qual também foram premiados outros dois programas da Secretaria da Educação, “Kit Escolar para Alunos da Rede Estadual de Ensino”, sob responsabilidade de Antonio Henrique Filho, e “Sistema de Proteção Escolar”, inscrito por Beatriz Graeff.

Além disso, dois projetos figuraram entre os vencedores da categoria Cidadania em Rede: “Violência – Reflexo da Sociedade: Vamos Refletir”, de Glauce Motta; e “Aprender a Conviver: Acessa Escola e SP”, inscrito por Viviane Condi.

Neste ano, dos 299 inscritos, chegaram à fase final 67 projetos, divididos nas categorias Inovação em Gestão Estadual, Inovação em Gestão Municipal, Cidadania em Rede e Governo Aberto. Mais informações na página da Secretaria de Gestão Pública, Pasta promotora do prêmio.