quarta-feira, 06/08/2008
Últimas Notícias

Secretaria inicia ensino técnico para 50 mil estudantes, em 697 escolas

Secretaria de Estado da Educação definiu curso de Gestão de Pequenas Empresas para os estudantes da rede A Secretaria de Estado da Educação lança nesta quarta-feira, 6 de agosto, parceria com o Centro Paula Souza e a Fundação Roberto Marinho para oferecer 50 mil vagas de curso técnico para estudantes de Ensino Médio da rede […]

Secretaria de Estado da Educação definiu curso de Gestão de Pequenas Empresas para os estudantes da rede

A Secretaria de Estado da Educação lança nesta quarta-feira, 6 de agosto, parceria com o Centro Paula Souza e a Fundação Roberto Marinho para oferecer 50 mil vagas de curso técnico para estudantes de Ensino Médio da rede estadual de ensino. Todas as novas vagas são para a Grande São Paulo (incluindo a capital), em 697 escolas de regiões com maior vulnerabilidade social (veja lista abaixo).

O governador José Serra, o vice-governador Alberto Goldman e a secretária de Estado da Educação comandaram o evento de lançamento, na escola estadual Visconde de Itaúna, no bairro paulistano do Ipiranga..

O curso inicial será de Gestão de Pequenas Empresas. Somente para a capital são cerca de 24 mil vagas. Estão sendo instaladas até o fim do mês 1.250 salas específicas (tecsalas) nestas 697 escolas, que receberão kits com equipamentos tecnológicos (televisor, DVD etc). Foram formados 1.250 orientadores para a aplicação do programa (são os profissionais responsáveis pelas turmas).

O curso técnico é semipresencial, no modelo Telecurso TEC (TeleTEC). Todos os participantes receberão material didático específico para acompanhamento em sala de aula.

No 1º semestre deste ano os alunos já tiveram um curso preparatório para o técnico, sem o uso das tele-salas, mas com material didático específico. O resultado foi extremamente positivo e baseou as mudanças a serem implementadas a partir de agosto.

Certificado pelo Paula Souza e com o apoio da Fundação Roberto Marinho, o curso terá duração de três semestres. O aluno deve começar a cursá-lo no 2º ano, nos períodos noturno e diurno. Será uma aula por dia. As classes irão variar de 35 a 43 alunos.

Outras modalidades estão sendo estudadas para implantação. As aulas do Telecurso TEC serão ministradas em sala de aula específica. Para receber os cursos as escolas devem ter salas de aula disponíveis. Se não houve condição, a Secretaria colocou o curso em unidade próxima, podendo as aulas acontecer até aos sábados.

 * Clique aqui e veja a lista