segunda-feira, 17/01/2022
Notícia

Secretário Estadual da Educação anuncia investimentos de R$ 16,9 milhões por meio do Plano de Ações Integradas do Estado de São Paulo (Painsp), na região do Alto Tietê

Rossieli Soares autoriza construção de nova escola estadual, ampliações de creche e cobertura de quadra para sete escolas do município de Suzano; também visitou duas escolas na cidade de Guararema

Neste sábado (15), o Secretário Estadual da Educação Rossieli Soares anunciou um investimento de R$ 16,9 milhões destinado à realização de obras e construções na Diretoria de Ensino de Suzano, região do Alto Tietê, por meio do Plano de Ações Integradas do Estado de São Paulo (Painsp).

“Não seria possível fazer isso tudo aqui sozinho. Para a gente é uma alegria poder estar fazendo essas parcerias. E é uma alegria também para os nossos diretores, que esperam há um tempo por uma quadra coberta em suas escolas. Além disso, a construção de uma nova escola PEI já foi empenhada, em parceria com o município de Suzano”, disse Rossieli Soares.

Sete escolas estaduais serão beneficiadas com novas coberturas para quadra esportiva, somando investimento de R$ 6,3 milhões. Para a construção de uma nova unidade de tempo integral foi liberado R$ 10 milhões; e para ampliação de duas creches serão investidos R$ 573 mil.

Em Guararema, o Secretário conheceu o projeto de educação municipal da Escola da Natureza Francisca Lerário, voltado a educar para a Conviviologia, que é a coexistência harmônica com o meio ambiente. E na oportunidade, visitou também a Escola Estadual Antônio Lerário e futuras instalações de uma escola estadual no bairro Nogueira.

Sobre o PAINSP

O Plano de Ações Integradas do Estado de São Paulo (PAINSP) visa facilitar o repasse de recursos financeiros e apoio técnico do Estado de São Paulo aos municípios, por meio da Secretaria da Educação (Seduc-SP). Até agora, esse repasse era feito por meio de um convênio. Com a criação do PAINSP, a transferência de recursos começa a ser feita por meio de um Termo de Compromisso, formalizado pela Seduc-SP, de forma mais rápida e menos burocrática.

Os principais eixos a serem viabilizados pelo PAINSP são aquisição de materiais didáticos, pedagógicos e tecnologias educacionais; a educação inclusiva; a articulação do transporte escolar; a melhoria na alimentação escolar; a formação e valorização dos profissionais da educação, a melhoria da infraestrutura física; a aquisição de equipamentos; a qualificação da gestão pedagógica, avaliação educacional e estratégia de aprendizagem para alunos com altas habilidades (superdotados).