terça-feira, 02/08/2005
Últimas Notícias

Secretário participa de evento no MAM que reúne

A Secretaria de Estado da Educação, o MAM – Museu de Arte Moderna – e a Secretaria Municipal da Educação promovem nesta quarta-feira, 3 de agosto, no Parque do Ibirapuera, um evento com seis oficinas de arte adaptadas do livro “Fazer e Pensar Arte” para 4 mil estudantes de escolas públicas. “Fazer e Pensar Arte” […]

A Secretaria de Estado da Educação, o MAM – Museu de Arte Moderna – e a Secretaria Municipal da Educação promovem nesta quarta-feira, 3 de agosto, no Parque do Ibirapuera, um evento com seis oficinas de arte adaptadas do livro “Fazer e Pensar Arte” para 4 mil estudantes de escolas públicas. “Fazer e Pensar Arte” é uma publicação da arte-educadora dinamarquesa Anna Marie Holm, uma das mais respeitadas do mundo. O livro será lançado no mesmo dia, com a presença da autora.

As atividades educacionais das oficinas serão coordenadas por 18 arte-educadores do setor educativo do MAM e 100 estudantes voluntários de faculdades de artes plásticas paulistanas (Belas Artes, Faap, São Judas Tadeu, Santa Marcelina, Unesp e PUC-SP). O encontro vai das 9h30 às 13h e contará ainda com o show “Pé com Pé”, do grupo Palavra Cantada e a dupla Paulo Tatit e Sandra Peres.

O secretário de Estado da Educação, Gabriel Chalita, o Secretário Municipal de Educação, José Pinotti, e o Secretário de Governo Municipal, Aloysio Nunes Ferreira, estarão presentes ao evento e participarão de um café da manhã com a presidente do MAM-SP, Milú Villela, e a autora do livro, a partir das 8h30, no restaurante do museu.

O livro

“Fazer e Pensar Arte” está sendo lançado em primeira edição em português. No livro, a educadora dinamarquesa relata experiências de arte-educação com crianças na Europa, realizadas a partir de obras de arte de artistas contemporâneos, incluindo a brasileira Leda Catunda.

No ano passado, Anna Marie fez uma palestra no fim da exposição “Escola com arte – Uma experiência nos fins de semana”, organizada pelo MAM de 29 de outubro a 5 de dezembro, sob curadoria de Bené Fonteles e concepção educativa de Nair Kremer.

A exposição mostrou trabalhos desenvolvidos por alunos e outros participantes do Projeto Ávida – Arte como Educação, realizado dentro do programa Escola da Família, da Secretaria de Estado da Educação, que abre as escolas estaduais à comunidade nos finais de semana. O projeto foi desenvolvido em onze escolas da região do Jardim Miriam, na capital, em parceria com o Faça Parte – Instituto Brasil Voluntário. Pela primeira vez, alunos de escolas públicas puderam mostrar trabalhos num espaço como o MAM. A exposição foi visitada por 22 mil freqüentadores do Escola da Família em 550 escolas estaduais.

Confira as oficinas:

Placas de sinalização – Na atividade, os participantes produzem placas de sinalização semelhantes às de trânsito. Algumas delas fazem referência ao meio-ambiente para promover diversão e respeito à natureza.

Desenhando os rastros das formigas e insetos – As crianças colocam grandes folhas de papel no gramado ou em outros locais de contato com o meio-ambiente do parque e fazem o registro da passagem de formigas e outros insetos.

Poemas ao ar livre – Os participantes espalham mensagens curiosas em locais inesperados do parque para chamar a atenção dos transeuntes.

Desenho de bolso – O participante coloca um papel no bolso e observa o entorno. Com dois lápis coloridos reproduz, com a mão no bolso, as paisagens e outras impressões sensoriais.

Desenhar os espaços vazios – A atividade estimula desenhar o que não é visto, o pouco evidente. Ou seja, os vãos das árvores, os espaços entre os prédios ou, entre outros, os locais que passam desapercebidos.

Registrar e procurar vestígios – Como arqueólogos, as crianças procuram no interior do parque vestígios e marcas que a própria natureza imprime nos trabalhos. A interferência do meio-ambiente merece a atenção dos participantes.

SERVIÇO:
Evento de arte-educação
Data: 3 de agosto de 2005 – Quarta-feira
Horário: das 9h30 às 13 horas
Local: Parque do Ibirapuera, próximo ao MAM, portão 3