quarta-feira, 02/09/2020
Pais e Alunos

Semana do Profissional de Educação Física: Rede estadual tem mais de 8 mil professores da área

Durante a quarenta docentes tem organizado campeonatos virtuais; professora da rede vencedora do Prêmio Educador Nota 10 também é da área

Ontem, 1º de setembro, foi celebrado do ‘Dia do Profissional de Educação Física’.  Nesta data, em 1998, foi a instituída da Lei Federal nº 9696, que regulamentou a profissão e criou seus Conselhos Federais e Regionais. A Secretaria de Educação do Estado (Seduc-SP) possui hoje 8.878 professores de Educação Física.

Assim como todos os professores da rede, os docentes de Educação Física também tiveram que se reinventar durante a quarentena. As aulas passaram a ser mediadas por tecnologia e até mesmo campeonatos ocorreram de forma virtual.

Na Diretoria de Ensino Guarulhos Sul, por exemplo, a professora coordenadora do núcleo pedagógico (PCNP) de educação física, Mariana Frassati organizou o JESV DEGSUL (Jogos Escolares Virtuais da Diretoria de Ensino Guarulhos Sul).

Nesta competição as modalidades aconteceram individualmente e por vídeo com a duração de 30 segundos. Por exemplo, o Basquete, que é uma modalidade com muitos jogadores e contato físico, houve uma adaptação para uma prova de Arremesso no Balde.

A iniciativa de Mariana fez tanto sucesso que já foi replicada em outras 13 diretorias de ensino: Leste 2, Leste 5, Diadema, São Vicente, Santos, Jacareí, Itapecerica da Serra, Votuporanga, Santo Anastácio, Birigui, Tupã, Votorantim e Piraju.

“Como PCNP da Diretoria de Ensino Guarulhos Sul idealizei os jogos e compartilhei com os outros PCNPs de educação física de outras diretorias da rede e eles gostaram da ideia, pedindo para utilizar o projeto. O piloto já está finalizado, mas esses outros estão iniciando”, explicou.

Você pode conferir aqui o vídeo com depoimentos de outros profissionais sobre o JESV DEGSUL.

Além de trabalhar na Diretoria de Ensino, Mariana também atua na escola estadual Carlos Giulietto, ela falou sobre sua forma de ensino durante a quarentena, “Num primeiro momento, acho que todo mundo se assustou e pensou ‘E agora como dar aulas de educação física remotas?’ Mas tivemos que nos adaptar, então, enquanto professora e PCNP comecei a criar materiais com a descrição das atividades e vídeos comigo mesma as praticando. Os alunos gostam de ver o seu professor no vídeo e também se empolgam quando compartilhamos os vídeos das devolutivas que eles nos mandam, assim eles se reconhecem como parte integrante e veem os colegas que estão distantes”.

Educador Nota 10

Neste ano duas educadoras da rede estadual foram vencedoras do Prêmio Educador Nota 10 e uma delas é professora de Educação Física. Suzi Dornelas que leciona na escola estadual José Ranieri, em Bauru. Ela desenvolveu o projeto “Viajando pela cultura africana” que tinha o mote de envolver os alunos no universo africano por meio de jogos e brincadeiras lúdicas. A docente ainda despertou o olhar dos estudantes para reflexões sobre as diferenças entre as culturas e a importância do respeito com todos os povos.

“As crianças aprendem brincando e levam isso para suas famílias e amigos. Ver o quanto elas se envolveram e levaram isso para suas casas foi muito gratificante. Será um aprendizado que ficará marcado para sempre, transcenderá a escola, ficará para a vida deles”, ressaltou Suzi.