quinta-feira, 21/12/2017
Notícia

Tecnologia aproxima família da escola na rede estadual de São Paulo

Plataformas digitais facilitam a comunicação entre as unidades e responsáveis e viabilizam maior rendimento dos alunos

A integração entre pais e responsáveis e equipe pedagógica para acompanhar o processo de aprendizagem dos estudantes da rede estadual está mais efetiva com a inclusão de ferramentas tecnológicas. Por meio das novas mídias, os pais podem acompanhar de perto o desempenho dos alunos e ter contato direto com a escola.

Um exemplo é a ação da E. E. Doutor José Pereira de Queirós, na zona leste da capital, para controlar o problema de faltas e abandono. A coordenação criou grupos de conversa com os pais e responsáveis de cada turma em um aplicativo. Dessa maneira, eles são informados em tempo real se o estudante está na unidade escolar, tiram dúvidas e tomam conhecimento do calendário escolar.

Na E.E. Alexandre Von Humboldt, na zona oeste de São Paulo, além desses mesmos grupos por app, todo bimestre, acontecem os conselhos participativos totalmente informatizados. Nesses encontros, a escola apresenta os gráficos que mensuram o rendimento dos adolescentes. Assim é possível identificar os avanços e os pontos de atenção.

Na reunião também são exibidas as guias de aprendizagem que serão usadas no ano seguinte e as ementas de cada matéria eletiva disponível. Todo o material é enviado aos pais via e-mail após o encontro. “É fundamental para o bom desempenho dos alunos que os responsáveis saibam o que eles estão estudando”, explica a diretora pedagógica, Maria de Fátima Rizzo.

A Secretaria de Educação do Estado também tem utilizado das mídias digitais para aproximar pais das escolas. O Boletim Escolar dos estudantes é disponibilizado em uma plataforma online. O serviço é gratuito, personalizado para cada usuário e pode ser acessado aqui.