quarta-feira, 11/09/2019
EducaSP

‘Vem pra USP!’ premia estudantes do Ensino Médio da rede pública

Competição USP de Conhecimentos bateu recorde neste ano, com 7.182 premiados

Primeira parte do programa EducaSP, que pretende aproximar os estudantes da escola pública dos cursos de graduação, o ‘Vem pra USP!’ realizou uma premiação, no último dia 26, dos estudantes que participaram da 3ª edição da Competição USP de Conhecimentos (CUCo), realizada na última segunda-feira (26).

Realizada no campus da USP em São Carlos, a solenidade premiou estudantes das regiões de São Carlos e Araraquara, recordistas de participação na competição e no EducaSP. No total, em 2019, foram cerca de 140 mil inscritos, 7.182 premiados e mais de 3,7 mil unidades de ensino envolvidas. Esse ano também marcou o recorde de recursos investidos: foram R$ 529 mil em isenções da taxa do vestibular da Fuvest e R$ 65 mil para as  escolas e os grêmios com maior índice de participação.

Resultados que, segundo a diretora-executiva da Fuvest, Belmira Amélia de Barros Oliveira Bueno, revelam o crescimento da ação nos últimos anos. “Sempre houve uma dificuldade muito grande para a USP chegar às escolas públicas. E isso está sendo superado, não só no sentido da aproximação, mas também de preparação para que os alunos se sintam confiantes”, relata.

Em resultados práticos a competição também é um sucesso: em 2018, 352 participantes da competição foram aprovados para os cursos de graduação da USP. “Temos focado em dois momentos importantes durante as atividades. O primeiro é despertar o aluno, no sentido de que a universidade passe a fazer parte dos seus interesses. Quando isso acontece, vem o próximo passo, que é fazer com que se dediquem aos estudos, e a USP tem oferecido formas de fomentar isso”, explicou ao Jornal da USP o coordenador da CUCo, Herbert Alexandre João.

Premiações e economia

Cursos e monitorias on-line, isenção da taxa do vestibular, visitas aos campi da USP, certificados e possibilidade de estágios e pré-iniciação científica fazem parte da premiação dos alunos mais bem classificados na competição.

As escolas e grêmios estudantis com maior índice de participação recebem prêmios em dinheiro, para serem aplicados em benefício da própria instituição. Pela segunda vez, a Escola Estadual Prof. Sebastião de Oliveira Rocha, de São Carlos, se destacou e foi premiada com R$ 20 mil.

Por ter alcançado o maior índice de participação, a Diretoria de Ensino – Região de São Carlos foi homenageada. “Esse é um trabalho em continuidade que temos com a USP, participando desde a primeira edição, com muito empenho. Hoje, vemos que isso está se disseminando nas escolas, virando uma cultura, especialmente entre os alunos, que passam a ver a universidade como um lugar possível”, enfatiza a dirigente de ensino Débora Gonzalez Costa Blanco.