Formação Continuada

Educação oferece formação continuada para professores nas modalidades presencial e a distância

Para garantir a qualidade de ensino nas mais de cinco mil escolas da rede da estadual, a Educação investe na formação continuada do corpo docente. Os professores pertencentes ao quadro de magistério têm a oportunidade de aperfeiçoar suas habilidades por meio das capacitações nas modalidades presenciais e online, além de contar com os programas que abrem as portas das universidades públicas estaduais para os educadores realizarem cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado.

EFAP

A Escola de Formação e Aperfeiçoamento dos Professores “Paulo Renato Costa Souza” (EFAP) centraliza os cursos para profissionais da Educação. Criada em 2009, a EFAP promove cursos presenciais em ambientes de aprendizagem instalados nas 91 diretorias de ensino ou online por meio da Rede do Saber, plataforma digital que integra o material pedagógico e videoconferências de cada capacitação.

Acesse o site da EFAP e acompanhe informações sobre cursos

REDEFOR

O Programa Rede São Paulo de Formação Docente (REDEFOR) oferece aos educadores a oportunidade de fazer um curso de especialização, em nível de pós-graduação, em diferentes áreas do conhecimento. O REDEFOR funciona por meio de convênios com a USP, UNICAMP e UNESP. As instituições disponibilizam turmas na modalidade semi-presencial, com atividades a distância e encontros presenciais.

Saiba mais sobre o programa e acompanhe novidades

Evesp

Por meio de plataformas digitais exclusivas, a Escola Virtual de Programas Educacionais do Estado de São Paulo (Evesp) leva a alunos e servidores da rede estadual a oportunidade de desenvolver novas potencialidades. A Evesp disponibiliza aos profissionais da Educação os cursos de Inglês Online e LIBRAS Online.

Acesse o site da Evesp e participe dos cursos a distância

Mestrado & Doutorado

O programa Mestrado & Doutorado possibilita aos docentes efetivos da rede estadual o ingresso em programas acadêmicos por meio de bolsas de estudos. Os cursos devem pertencer a mesma área de atuação do candidato na rede estadual e ser reconhecidos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

Acompanhe informações sobre o programa no site da EFAP

Últimas Notícias

Mais vídeos