terça-feira, 08/03/2022
Notícia

Professora da rede estadual é premiada no Prêmio Educador Nota 10

Rosalina de Lázaro, professora da EE José dos Santos, Aspásia-SP, venceu na categoria Educação Física com projeto voltado para crianças

A professora Rosalina de Lázaro, 58, da Escola Estadual José dos Santos, em Aspácia interior de São Paulo, é a vitoriosa da rede estadual na 24ª edição do Prêmio Educador Nota 10 – realizada pela entidade Fundação Victor Civita. Premiada no componente curricular Educação Física, a educadora da Seduc-SP alcançou o lugar entre os 10 vencedores dentre mais de 2,5 mil inscritos.

“Felizmente, tive uma infância rica de ensinamentos através de brincadeiras. Minha missão é continuar a ensinar a brincar, ou melhor, a pensar na riqueza da brincadeira como meio de educar”, conta a professora Rosalina. A vitória consagrou à professora a divulgação de seu projeto, um prêmio financeiro de R$ 15 mil reais e a classificação para concorrer ao Prêmio Educador do Ano 2022.

Com uma carreira de 36 anos, incluindo 10 anos só na unidade atual, Rosalina levou o título pelo “Projeto Brincadeiras de Quintal”. Direcionada aos alunos do 2º ao 5º ano/Anos Iniciais, a atividade consiste no resgate, integração e comparação de brincadeiras lúdicas do passado com as modernas, amparada nas diretrizes na Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

De forma divertida e pedagógica, o projeto propõe aos alunos as atividades de educação física, a explanação da cultura e da memória e o desenvolvimento de habilidades intelectuais e motoras sobre as brincadeiras realizadas, tais como: queimada, corrida do saco, peteca, esconde-esconde e amarelinha. Ainda em complemento, a professora explica que além da sala de aula (quadra poliesportiva), os estudantes são estimulados a realização da escrita e gravação de vídeos sobre as brincadeiras desenvolvidas.

Criado antes da pandemia, o “Brincadeiras de Quintal” se adaptou ao período remoto para atender as necessidades de cada aluno. Por vezes, a sua execução contou com a colaboração dos pais e responsáveis dos estudantes que contribuíram no resgate histórico das brincadeiras antigas para apresentar aos alunos. “O mais importante que os alunos acharam foi de estar e brincar junto com a família. E a família mais próxima da escola”, finaliza.

“É muito importante a vitória da professora Rosalina neste prêmio, tanto para evidenciar a qualidade do professor da rede pública do estado, quanto pelo impacto que isso tem na formação dos nossos alunos. É um resultado enorme, que mostra a qualidade da formação dos nossos professores da diretoria de ensino”, descreve o Dirigente de Ensino de Jales, Geraldo Niza.

Rosalina de Lázaro é uma das inúmeras profissionais e mulheres que ocupam cargos genuínos na Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) e que recebe a exaltação de seu perfil no Dia Internacional das Mulheres, 8 de março. Esta e outras atividades da premiada estão disponíveis no blog pessoal: https://escolavivarosalinalazaro.blogspot.com/.