Oportunidades para concluir os estudos

Conheça opções de avaliações e cursos para estudos de jovens e adultos

Os jovens e adultos que não tiveram a oportunidade de iniciar ou concluir os ensinos Fundamental ou Médio na idade adequada, de acordo com a legislação, podem ter acesso a essas etapas da escolaridade por meio de cursos e avaliações voltadas à modalidade de ensino de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Entre eles estão o ENCCEJA (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos), o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), os cursos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), os Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA), além do programa de Educação nas Prisões (PEP), que conta com o apoio da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP).

Saiba mais sobre cada uma dessas opções:

CURSOS

EJA

Cerca de mais de mil escolas estaduais paulistas oferecem as aulas da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Nesse modelo é possível concluir tanto o Ensino Fundamental quanto o Ensino Médio.

As aulas do Ensino Fundamental são abertas para alunos a partir de 15 anos. Já os interessados em concluir o Ensino Médio precisam ter, no mínimo, 18 anos. Os módulos de 6 meses cada são equivalentes aos anos e séries do ensino regular. O curso conta com quatro horas diárias, de segunda à sexta-feira.

Consulte o endereço de escolas

CEEJA

A Educação conta com 31 unidades do Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA). O diferencial do modelo é que ele oferece carga horária flexível e dá oportunidade a alunos com mais de 18 anos que querem voltar à sala de aula.

No CEEJA, o aluno recebe o material de ensino no ato da matrícula e é orientado a criar um plano de estudos. Sempre que sentir necessidade, pode recorrer ao centro para tirar dúvidas presenciais com professores.

Veja onde estão as unidades do CEEJA

EJA no sistema prisional

Jovens e adultos que se encontram em situação de privação de liberdade no sistema prisional têm direito à educação. Para isso, a Secretaria de Educação oferece o Programa de Educação nas Prisões, no qual professores da rede estadual paulista atuam para oferecer Ensino Fundamental e Ensino Médio na modalidade EJA, em classes escolares vinculadas a escolas estaduais que são mantidas em funcionamento nos estabelecimentos penais.

No sistema prisional, são aplicados o ENCCEJA e o Enem PPL, voltado para pessoas em situação de privação de liberdade. Os dois exames servem para a certificação tanto no Ensino Fundamental, quanto no Ensino Médio.

EXAMES DE CERTIFICAÇÃO

Encceja

O exame, que é oferecido para jovens e adultos a partir de 15 anos, é exclusivamente voltado para a conclusão do Ensino Fundamental. A avaliação é aplicada anualmente pelo Inep.

Aqueles que não atingirem o desempenho necessário para obter o certificado ainda poderão solicitar o atestado parcial de conclusão nas áreas de conhecimento nas quais atingiu a nota necessária. A partir disso, o candidato pode prestar novamente o exame ou concluir as demais disciplinas por meio da EJA ou em um CEEJA.

Acesse o site do Encceja

Enem

Os jovens e adultos que desejam concluir o Ensino Médio podem fazê-lo por meio do Enem. No momento da inscrição, os candidatos com mais de 18 anos que desejam obter o certificado dessa etapa devem assinalar essa opção. A avaliação é aplicada anualmente pelo Inep.

Os candidatos que não conquistarem a nota exigida para obter o certificado poderão solicitar o atestado de conclusão parcial. As demais disciplinas também podem ser concluídas por meio da EJA e CEEJA.

Acesse o site do Enem

Últimas Notícias