terça-feira, 25/06/2019
Boas Práticas

Estudantes de São Paulo são selecionados para participar de Conferência Internacional de Alunos do Ensino Médio

Evento acontece em setembro e reúne estudantes de mais de 50 países

Cinco estudantes da Escola Estadual Olavo Hansen, em Mauá, irão representa o Brasil na Conferência Internacional de Alunos do Ensino Médio, que acontece em setembro, em Hokkaido, no Japão. O evento acontece nos dias 10 e 11 de setembro, em datas que marcam o Dia Mundial de Conscientização dos Riscos de Desastres Naturais.

São aproximadamente 50 países reunidos no evento, que discute questões relativas à prevenção e conscientização da comunidade internacional sobre desastres naturais, inclusive sobre o perigo de tsunami. A participação da Escola Estadual Olavo Hansen foi uma indicação da Defesa Civil do Estado de São Paulo, por conta do trabalho desenvolvido na comunidade neste ano.

“A Secretaria de Defesa Civil desenvolve vários trabalhos na região, por conta de diversos desabamentos de terra ocorridos ainda neste ano. Escolhemos o bairro do Jardim Zaíra por ser mais vulnerável a esse tipo de atividade. Tudo começou como uma capacitação para professores, mas a ideia se expandiu e tomou conta do cotidiano escolar”, conta Cíntia Oliveira, integrante da Defesa Civil de SP.

Chamado de “Cuidar de onde moramos para vivermos com segurança”, a ideia é compreender as ações voltadas para a preservação do meio ambiente na cidade de Mauá, conscientizar responsáveis sobre a sobre o desmatamento e ocupação desordenada de áreas de risco, além de reciclagem e descarte correto do lixo e do óleo.

Além de palestras para a comunidade, foram realizados o mapeamento de áreas de risco do entorno escolar, a divulgação de panfletos para conscientização da comunidade e também o plantio de mudas de árvores nativas com a parceria da Secretaria do Meio Ambiente.

O sucesso foi tão grande que o projeto mudou a vida da comunidade e contribuiu para a identificação de riscos por parte da comunidade. “Com a atuação da escola, consegui entender o quanto é importante jogar lixo no lugar adequado e estar atento em dias de chuva”, comemora Maria Aparecida, moradora do Jardim Zaíra.

As ações desenvolvidas em Mauá fazem parte do Programa Estadual de Prevenção de Desastres Naturais e Redução de Riscos Geológicos (PDN), estabelecido pelas Secretarias de Estado e do município ainda em 2011. Após os deslizamentos ocorridos no início do ano, um grupo multidisciplinar auxilia a cidade de Mauá na identificação das necessidades, capacidades e eventuais pontos a serem melhorados na gestão de risco de desastres.