quinta-feira, 02/08/2018
Governo do Estado de São Paulo
Agenda do secretário

Na capital, Secretaria promove o 14º Encontro de Polo

Evento reuniu de coordenadores da pasta com professores e alunos do Polo 1 para debaterem melhorias para rede

Nesta quinta-feira (02), a Secretaria de Estado da Educação recebeu em sua sede representantes, professores e alunos da região do Polo 1, que concentra Diretorias de Ensino Centro, Centro-Oeste, Norte 1 e Norte 2. A cerimônia é o 14º Encontro de Polos feito pela comitiva da pasta em todas as regiões administrativas do Estado.

Na ocasião, foi feita a liberação de recursos para unidades que integram o Programa Escola da Família na região. No total, serão destinados R$ 102 mil para 68 escolas estaduais. Cada unidade receberá R$1.500,00.

Ainda, o encontro anunciou obras para diversas escolas estaduais do Polo. Com investimento de mais de R$ 2 milhões, unidades das quatro Diretorias de Ensino receberão reparos e melhorias na infraestrutura dos prédios.

Diálogo com os alunos

Mais do que assinatura de repasses, o 14º Encontro de Polos teve como finalidade receber representes dos Grêmios Estudantis das instituições enquadradas neste Polo regional. O titular da pasta João Cury e os demais coordenadores ouviram as demandas desses estudantes.

“Os alunos têm que dizer o que é bom para a comunidade escolar. Nós somos apenas instrumentos daquilo que se sonha para se tornar realidade. Educação pública de qualidade é feita de maneira coletiva”, ressalta o secretário.

A presença dos jovens dentro do prédio da Secretaria foi uma forma de aproximá-los ainda mais das decisões. Este foi o momento para serem debatidos os obstáculos enfrentados pelas escolas e, sobretudo, pensar melhorias em conjunto para a rede.

“Vocês têm que ficar à vontade aqui dentro, porque tudo que fazemos é pensando em vocês”, disse aos alunos presentes a dirigente regional Centro, Maria de Fátima Lopes.

Representatividade

A cerimônia também foi um momento para frisar a importância dos Grêmios Estudantis dentro das escolas paulistas. Atualmente, 95,2% das quase 5 mil unidades pelo Estado já possuem equipes gremistas. A ideia, desse forma, é levar o projeto para todas as instituições.

“Precisamos convencer de que os jovens podem confiar no nosso trabalho e que temos muito para contribuir e ajudar no planejamento da escola”, enfatiza Sonia Brancalion, membro da equipe responsável pelo Grêmio Estudantil da Secretaria da Educação.

Por isso, a reunião é de extrema importância para todos os alunos da rede. Segundo Raphaella Burti, também da equipe responsável pelos gremistas, esta é a oportunidade para darem valor à representatividade. “Hoje, vocês estão aqui para representar os seus colegas. Vocês são os olhos e ouvidos deles”, completou.