sexta-feira, 22/08/2008
Livros

3,3 milhões de estudantes da rede estadual ganharão 3 livros de escritores brasileiros

Secretaria de Estado da Educação ainda entregará atlas e dicionário aos alunos Todos os 3,3 milhões de estudantes de 5ª a 8ª série e de Ensino Médio da rede estadual de Educação ganharão até o fim deste ano três livros infanto-juvenis, sempre de escritores brasileiros. O projeto é da Secretaria de Estado da Educação e […]

Secretaria de Estado da Educação ainda entregará atlas e dicionário aos alunos

Todos os 3,3 milhões de estudantes de 5ª a 8ª série e de Ensino Médio da rede estadual de Educação ganharão até o fim deste ano três livros infanto-juvenis, sempre de escritores brasileiros. O projeto é da Secretaria de Estado da Educação e pretende incentivar a leitura de todos os estudantes paulistas. Os alunos poderão levar para casa os livros.

Com investimento de R$ 67 milhões, o projeto oferecerá títulos diferentes para os alunos de 5ª a 8ª e de Ensino Médio (veja lista abaixo). Os livros do Ensino Médio são os mesmos cobrados nos vestibulares nacionais. Além dos livros, os alunos receberão um atlas geográfico e um dicionário. Todos as publicações serão entregues até o fim do ano_ com exceção do dicionário, a ser entregue no próximo ano. Estudantes do 2º e 3º ano do Ensino Médio receberão dicionários bilíngües.

Ao todo serão 9,9 milhões de livros, 3,3 milhões de dicionários e 3,3 milhões de Atlas. “É um investimento maciço para que os alunos montem seu próprio acervo de livros e adquiram o hábito de ler. É fundamental que os alunos leiam, que isso se torne uma cotidiana”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.

Materiais para as escolas

Além do material que será doado aos estudantes, a pasta também enviará a todas escolas que atendam alunos o 2º ciclo do Ensino Fundamental e Ensino Médio uma coleção de livros temáticos – temas atuais como empregos, cultura, entre outros.

Cerca de 76 mil exemplares da coleção Aplauso (20 títulos) irão para as escolas estaduais e começarão a fazer parte do acervo das salas de leitura. Outros 226 mil exemplares da coleção Repórter Especial (20 títulos) irão às escolas.

“Estamos reforçando o acervo das salas de leitura. Queremos que os alunos tenham opções para ganhar conhecimento”, diz a secretária Maria Helena Guimarães de Castro.

Títulos para os alunos

Ensino Fundamental

Juca Pirama e os Timbiras – Gonçalves Dias

Papéis avulsos – Machado de Assis

Poemas de Álvaro de Campos – Fernando Pessoa

Várias histórias – Machado de Assis

A mulher do vizinho – Fernando Sabino

Memórias inventadas – Manoel de Barros

Comédias para se ler na escola – Luís Fernando Veríssimo

O Coruja – Aluísio Azevedo

Reinações de Narizinho vl. 1

Reinações de Narizinho vl. 2

Capitães de Areia – Jorge Amado

Olhai os Lírios do Campo – Érico Veríssimo

Ensino Médio

Dom Casmurro – Machado de Assis

Quincas Borba – Machado de Assis

Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

Laços de família – Clarice Lispector

Bagagem – Adélia Prado

Cem melhores crônicas

Estrela da vida inteira – Manoel Bandeira

Primeiras Estórias – Guimarães Rosa

80 anos de poesia – Mário Quintana

Títulos para as salas de leitura

Repórter Especial – Guias Temáticos

A evolução humana

A história da telenovela

A salvação que vem das plantas

Abuso sexual, pedofilia

Água, urgente!

Assassinatos sem a menor importância

Biodiversidade

Biotecologia, sonho e pesadelo

Cirurgia plástica: a útil e a fútil

Efeito estufa

Filhos da pipeta

Funk carioca: crime ou cultura

Meninos bandidos atacam

Meninos grávidos

O Brasil do etanol e do biodiesel

O maior perigo do islã: não conhecê-lo

O mundo tem medo da china? Nós também

Seu emprego no futuro

Tatuagem

Você pode viver 100 anos

Coleção Aplauso

ALCIDES NOGUEIRA – Alma de cetim

ANSELMO DUARTE – O homem da palma de ouro

CLEYDE AYCONIS – Dama discreta

IRENE RACACHE – Caçadora de emoções

PAULO JOSÉ – Memórias substantivas

REGINALDO FARIA – O solo de um inquieto

ROLANDO BOLDRIN – Palco Brasil

JOSÉ DUMONT – Do cordel às telas

GIANFRANCESCO GURNIERI – Um grito solto no ar

CARLOS REICHENBACH – O cinema como razão de viver

RUTH DE SOUZA – Estrela negra

LEILAH ASSUMPÇÃO – A conciência da mulher

MARIA ADELAIDE AMARAL – A emoção libertária

JORGE BODANSKY – O homem com a câmara

SILBIO DE ABREU – Um homem de sorte

BRAZ CHEDIAK – Fragmentos de uma vida

MARCOS CARUSO – Um obstinado

FERNANDO MEIRELLES – Biografia prematura

MAURICE VANEAU – Artista múltiplo

TATIANA BELINKY – E quem quiser que conta outra