terça-feira, 02/01/2007
Últimas Notícias

Diretoria de Ensino do interior faz balanço positivo de projeto voltado para a comunidade escolar

Iniciativa envolve todas as disciplinas, do ensino fundamental ao médio, e tem como público alvo professores, alunos e pais Objetivos alcançados, metas cumpridas, atividades vivenciadas com sucesso. Este é o balanço feito pela Diretoria de Ensino de Presidente Prudente sobre o Projeto “Sonhando Juntos por um Mundo Unido”, desenvolvido entre os meses de abril e […]

Iniciativa envolve todas as disciplinas, do ensino fundamental ao médio, e tem como público alvo professores, alunos e pais

Objetivos alcançados, metas cumpridas, atividades vivenciadas com sucesso. Este é o balanço feito pela Diretoria de Ensino de Presidente Prudente sobre o Projeto “Sonhando Juntos por um Mundo Unido”, desenvolvido entre os meses de abril e dezembro de 2006. A nova edição do evento, criado em outubro de 2005, deu continuidade aos principais objetivos da iniciativa: resgatar os valores éticos, morais e de família e ter como perspectiva a educação para a paz e o diálogo.

Mais sobre o Projeto

O Projeto “Sonhando juntos por um Mundo Unido” envolve todas disciplinas, do ensino fundamental ao médio, e tem como público alvo professores, alunos e pais. Este ano, 150 alunos, 130 professores e 300 pais foram capacitados por meio de seis assistentes técnico pedagógicos (ATPs) e dois supervisores para chegar a um público de aproximadamente 34 mil alunos. Os trabalhos foram realizados em parceria com o Grêmio Estudantil, Escola da Família, Prefeituras Municipais, Ministério Público, Instituições Religiosas, Faculdades e Associações.

Três vertentes

O grande diferencial da iniciativa foi reconhecer que a questão educacional não pode se restringir apenas ao conteúdo programático e a grade curricular. “O Projeto ‘Sonhando juntos por um Mundo Unido’ provou que é fundamental um trabalho significativo com as três vertentes, alunos, pais e professores, no sentido de dar-lhes um direcionamento que preencha as necessidades geradas pela sociedade atual, afinal, a escola necessita desta sustentação familiar sólida para poder cumprir efetivamente seu papel de educar”, explica a dirigente de ensino de Presidente Prudente, Helena Carolina Marrey Nauhardt.

Celso Bandarra