quinta-feira, 18/12/2014
Professores e Funcionários

Aula interativa de geografia é destaque em seminário de boas práticas em Guarulhos

Cerca de 100 educadores discutiram o uso de recursos tecnológicos em sala de aula

Na velocidade de um clique os alunos da E.E. Rotary, em Guarulhos, são levados para o outro lado do globo e podem conhecer por meio de vídeos e fotos os assuntos da aula de geografia de forma dinâmica e em tempo real.

O uso da tecnologia como aliada da educação é recorrente na unidade de ensino e muito presente nas aulas do educador David Guimaro de Carvalho Junior. Ele aproxima o conhecimento do olhar dos alunos ao ensinar, por exemplo, sobre a movimentação das placas tectônicas, tsunamis e furacões.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

 

A sala do Acessa Escola é endereço da exploração virtual. O guia de inspiração do professor é o programa Currículo+, local de onde retira os sites utilizados como fonte.

“Esse foi o jeito que encontrei de deixar a aula mais atrativa. A tecnologia é uma aliada por falar a linguagem que os alunos estão inseridos na contexto atual onde tudo acontece de forma rápida e por meio de aparelhos eletrônicos, internet”, explica.

A iniciativa foi apresentada na Expo Info, seminário de boas práticas promovido pela Diretoria de Ensino Guarulhos Sul. Cerca de 100 educadores de 50 escolas da região participaram do evento que teve como objetivo destacar ações em sala de aula que utilizassem os recursos do Currículo+.

O professor coordenador do núcleo pedagógico de tecnologia Fabio Bertoli foi o responsável pela organização. Ao longo do ano, ele articulou um programa de trabalho para inserir a realidade virtual nas escolas da rede em Guarulhos. Atualmente, ele tem catalogado o engajamento de 61 escolas.

“Este seminário serviu para quebrar paradigmas e mostrar uma ferramenta sólida que use a tecnologia como apoio no momento de ensinar”, afirma Fabio.

Sobre o Currículo+

Lançado em fevereiro de 2014, o Currículo+ consiste em uma plataforma virtual que sugere conteúdos digitais, como jogos e videoaulas, para os educadores da rede estadual trabalharem os conteúdos do Currículo do Estado de São Paulo.