segunda-feira, 31/05/2010
Últimas Notícias

Escolas de Jundiaí envolvem a comunidade em projeto antibullying

Desenvolvido nas 24 escolas que integram o Programa Escola da Família na região, o projeto inclui palestras e ações voltadas para conscientização de alunos, pais e comunidade Neste domingo (30/05), 24 escolas da rede estadual na região da Diretoria de Ensino de Jundiaí realizarão uma ação conjunta para conscientizar estudantes e familiares sobre o problema […]

Desenvolvido nas 24 escolas que integram o Programa Escola da Família na região, o projeto inclui palestras e ações voltadas para conscientização de alunos, pais e comunidade

Neste domingo (30/05), 24 escolas da rede estadual na região da Diretoria de Ensino de Jundiaí realizarão uma ação conjunta para conscientizar estudantes e familiares sobre o problema do bullying. As escolas fazem parte do Programa Escola da Família, que prevê a abertura das unidades aos finais de semana para atividades educativas e de lazer voltadas à comunidade. A ação começará às 13h e terá a Escola Estadual Parque Residencial Almerinda Chaves como pólo na cidade de Jundiaí.

O evento encerra a semana antibullying realizada nas escolas dentro do Programa Escola Família, em parceria com o Projeto de Ações Preventivas na Escola (APE) da Diretoria de Ensino de Jundiaí. O tema foi trabalhado por 40 educadores universitários, com palestras, atividades de teatro, dança e música, confecção de cartazes e painel interativo, entre outras formas de conscientização.

O intuito é possibilitar uma abertura ao diálogo sobre as questões que envolvem o problema, assim como a reflexão dos efeitos nas vítimas que sofrem direta e indiretamente sua influência, além de orientar quanto à identificação no meio escolar das diferentes expressões do bullying, que passam despercebidas no cotidiano da sala de aula. “Estamos levando a discussão para além dos muros da escola, para conscientizar a sociedade sobre os efeitos do bullying na vida das pessoas e inibir as atitudes de violência”, comenta Damião Silva, monitor do Projeto APE.