quarta-feira, 26/03/2014
Pais e Alunos

Estudantes da rede estadual de ensino terão reforço escolar a partir do dia 5 de abril

Educação inicia a orientação para que escolas estaduais façam a indicação de alunos e professores

Os alunos do 5º ano do Ensino Fundamental a 3ª série do Ensino Médio da rede estadual terão aulas de revisão de conteúdo pedagógico a partir do dia 5 de abril. Será o primeiro final de semana no qual as escolas vão abrir as portas para auxiliar os estudantes que eventualmente tenham enfrentado alguma dificuldade de aprendizado no primeiro bimestre de 2014.

Para isso, a Educação já iniciou as orientações para que todas as 91 Diretorias Regionais de Ensino organizem a indicação dos alunos e professores participantes do programa e já façam o alerta aos pais e comunidade escolar das 5 mil unidades escolares sobre a importância da participação.

O encaminhamento ao reforço é definido com base nos conselhos de classe, que contam com o diagnóstico dos educadores de todas as disciplinas. Além de recuperar eventuais defasagens, o projeto “Reforço aos Sábados” também é aberto aos jovens com bom desempenho que poderão reforçar o conteúdo caso assim desejarem. Em ambos os casos, a participação se dá por adesão com autorização dos pais.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

“Iniciamos o reforço aos sábados em setembro do ano passado e no total somamos 536.606 mil indicações com ampla adesão dos alunos e professores”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.

Foco no aprendizado

Entre os outros programas oferecidos estão o reforço nas férias escolares de julho, que em 2013 reuniu 70 mil estudantes e contou com a participação de 90% dos indicados. Existem ainda a recuperação intensiva – modalidade que atende 22,2 mil alunos em classes regulares classes com estratégias pedagógicas específicas para suas necessidades – e a recuperação contínua, em que 32.566 mil professores-auxiliares dão suporte aos professores titulares, no contraturno, para recuperação imediata de conteúdo a cerca de 115 mil estudantes do Ensino Fundamental e Médio.

No Reforço aos Sábados, cada escola fica responsável por organizar as classes levando em conta a demanda e a necessidade dos alunos. Os professores que participam recebem adicional pelas horas trabalhadas e as escolas ficam responsáveis também por definir os horários das turmas, que podem ocorrer em um ou mais sábados por mês.