quinta-feira, 29/11/2012
Imprensa

Governador nomeia 104 supervisores de ensino para atuar na rede estadual

Ao todo, 26 diretorias regionais de ensino da capital e do interior recebem profissionais que atenderão cerca de 400 unidades de ensino  O governador Geraldo Alckmin acaba de nomear mais 104 supervisores para atuar em 26 diretorias de ensino na Capital e no interior, atendendo cerca de 400 escolas. Com o reforço desses profissionais, serão […]

Ao todo, 26 diretorias regionais de ensino da capital e do interior recebem profissionais que atenderão cerca de 400 unidades de ensino 

O governador Geraldo Alckmin acaba de nomear mais 104 supervisores para atuar em 26 diretorias de ensino na Capital e no interior, atendendo cerca de 400 escolas.

Com o reforço desses profissionais, serão 1.477 supervisores dando suporte às cerca de 5,3 mil escolas da rede estadual. As vagas foram preenchidas com remanescentes de concurso realizado em 2008, com validade até este ano.

Cabe ao supervisor de ensino fazer a articulação e a mediação entre as políticas educacionais e as propostas pedagógicas de cada escola, levando em conta suas particularidades.

Liderança fundamental na construção da identidade escolar, esse profissional favorece o envolvimento da equipe técnico-pedagógica com o processo de ensino-aprendizagem. Cada supervisor pode atender de três a seis escolas – de acordo com cada diretoria de ensino e com o tamanho das unidades.

Para desempenhar a função é preciso ter licenciatura plena em pedagogia ou pós-graduação em educação, além de ter oito anos de exercício no magistério, dos quais dois anos no exercício de cargo ou de função de suporte pedagógico educacional ou de direção de órgãos técnicos, ou ter 10 anos de magistério. Os vencimentos iniciais para o cargo, em uma jornada de 40 horas, são de R$ 3.303,29.