terça-feira, 30/07/2013
Sociedade

Visando a formação do cidadão, escolas terão projeto sobre consumo

Foi firmada uma parceria entre a Educação, o Procon-SP e a Secretaria da Justiça

“A educação tem, também, responsabilidade pela formação do cidadão”. A frase do secretário da Educação, Herman Voorwald, define o espírito do projeto Saber Consumir. O projeto, que será realizado em parceria pela Secretaria da Educação, Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP) e a Secretaria da Justiça, foi lançado nessa segunda-feira (29).

O evento para a formalização da parceria contou com a participação do secretário da Educação, do governador Geraldo Alckmin, da secretária da Justiça e da Defesa da Cidadania, Eloisa de Sousa Arruda, e do diretor executivo da Fundação Procon, Paulo Arthur Lencioni.

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

O projeto, que já é realizado dentro das atividades do programa Escola da Família, está sendo expandido para as 91 Diretorias Regionais de Ensino. “Em função dos resultados no Escola da Família, fizemos a proposta de expandi-lo para outras unidades”, explica Herman Voorwald.

Conscientização

No projeto, os técnicos do Procon-SP irão capacitar os educadores da rede estadual. A ação prevê, também, o envio de kits às Diretorias de Ensino, compostos por vídeos explicativos, um código de defesa do consumidor para educadores, com linguagem simplificada, e caderno com sugestões de atividades a serem desenvolvidas com os alunos.

A ação irá conscientizar os cerca de 4,3 milhões de alunos da rede estadual sobre questões relacionadas ao consumo financeiro e ao uso consciente de recursos energéticos. Todas as unidades de ensino da rede estadual podem participar do programa e o credenciamento será por adesão.

#album[2360]down#