segunda-feira, 21/11/2005
Últimas Notícias

Revolução de conceitos: gestor educacional deve assumir liderança comunitária

Pós da Unicamp ensina como seis mil gestores podem transformar a escola em empresa voltada para a comunidade. Uma grande revolução conceitual já começou no ensino público estadual. Pela primeira vez, seis mil gestores se inscreveram no curso de pós-graduação latu sensu, organizado pela Unicamp. O curso começou na última segunda-feira com aula à distância. […]

Pós da Unicamp ensina como seis mil gestores podem transformar a escola em empresa voltada para a comunidade.

Uma grande revolução conceitual já começou no ensino público estadual. Pela primeira vez, seis mil gestores se inscreveram no curso de pós-graduação latu sensu, organizado pela Unicamp. O curso começou na última segunda-feira com aula à distância. Neste sábado (26), os educadores iniciam o programa presencial. Metade da carga horária do pós será à distância. O curso terminará em outubro de 2006.

O programa pretende preparar diretores, vice-diretores e supervisores escolares para enfrentar os novos desafios que a Educação terá de enfrentar para se tornar mais responsável com a comunidade. Na linha dessa revolução, a escola passa a ser uma empresa comunitária e o gestor, um empreendedor socialmente comprometido.

A demanda por um gestor socialmente mais ativo, que busque a integração dos projetos com a comunidade, ampliando seus limites de educador, fez com que a Secretaria de Estado da Educação elaborasse – em conjunto com a Unicamp – um programa de pós-graduação especialmente voltado para quem toma decisões dentro da Escola Pública. Caberá ao gestor interpretar as necessidades da comunidade onde a unidade escolar está inserida, aprimorando e atualizando projetos de educação como um verdadeiro empreendedor social.

Os temas desse primeiro curso de pós-graduação, oferecido pela Secretaria da Educação, variam desde os princípios básicos de administração até os mais sensíveis como relacionamento humano e interação comunitária.

A formação latu sensu de especialização em Gestão Educacional acontecerá em dois pólos da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em Campinas e no Morumbi, com 50% de atividades à distância e 50% de atividades presenciais, fora do horário de trabalho.

As duas grandes vertentes do programa vão abordar as Relações Humanas e as Funções do Gestor, tendo como foco principal a figura do líder comunitário e do empreendedor de iniciativas sociais. Com esta pós-graduação, o gestor terá à disposição ferramentas que o qualificarão ainda mais para lidar com a comunidade e suas necessidades. A Cidade Escola Aprendiz, organização não governamental fundada pelo jornalista Gilberto Dimenstein, colaborou na formulação de um dos módulos do curso, com a sua experiência de integrar escola e comunidade.

O reitor da Unicamp, José Tadeu Jorge, enfatizou a experiência inovadora e pioneira da universidade em formar seis mil diretores no primeiro latu sensu realizado em parceria com a Secretaria”. Esta iniciativa atende à exigência de melhor qualidade de ensino, contemplando uma rede que possui quase seis milhões de alunos, matriculados em mais de cinco mil escolas e preparados por 236 mil educadores.

O módulo sobre Relações Humanas inclui:

· Qualidade, aspectos motivacionais e relações interpessoais;

· Administração de conflitos;

· Valorização e motivação das pessoas;

· Construção de relações com a comunidade escolar e dinâmicas de qualidade de atendimento;

· Gerenciamento da comunidade externa;

· Democratização das relações do poder e do trabalho escolar;

· Autonomia participativa, integração e competência;

· O conhecimento como processo de construção coletiva.

Os temas voltados para as funções do gestor, como líder comunitário e como empreendedor social são os seguinte:

Como Líder Comunitário:

· A prática gerencial e as relações sociais;

· A gestão participativa, pedagógica, de pessoas e de tempo;

· Planejamento estratégico, parcerias e comunicação;

· Desenvolvimento, valorização e reconhecimento de trabalho de equipes e lideranças;

· Formas de criação e obtenção de recursos;

· A gestão de serviços de apoio e de recursos financeiros;

· Processos de trabalho e metodologia de condução de projetos.

No aspecto Social:

· a escola como protagonista de mudanças sociais;

· aprender e empreender no mundo corporativo;

· a gestão empresarial;

· técnicas e ferramentas de conhecimento de mercado;

· legislação básica: trabalhista e tributária