terça-feira, 19/08/2008
Últimas Notícias

Secretaria define datas para o Saresp: 25 e 26 de novembro

Avaliação da Educação estadual incluirá ciências; prefeituras podem participar A Secretaria de Estado da Educação definiu as datas para o Saresp, a avaliação estadual de alunos. As provas acontecerão em 25 e 26 de novembro. O Saresp implica diretamente no Idesp, o índice estipulado para cada escola do governo do Estado, que agora vale para […]

Avaliação da Educação estadual incluirá ciências; prefeituras podem participar

A Secretaria de Estado da Educação definiu as datas para o Saresp, a avaliação estadual de alunos. As provas acontecerão em 25 e 26 de novembro. O Saresp implica diretamente no Idesp, o índice estipulado para cada escola do governo do Estado, que agora vale para calcular o bônus dos professores da rede. A novidade deste ano é que o Saresp terá avaliação em ciências (2º ciclo do Ensino Fundamental e Ensino Médio), além de língua portuguesa e matemática (as duas já avaliadas em 2007).

A aplicação das disciplinas acontecerá de acordo com a série (veja quadro abaixo). Participarão todos os alunos de 2ª, 4ª, 6ª e 8ª série do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio, totalizando cerca de 2 milhões de estudantes.

Com a avaliação em ciências, a Secretaria decidiu seguir o padrão do Pisa, a avaliação internacional mais importante em Educação, que abrange países de todo o mundo.

“É um avanço. Consolidamos o Saresp em 2007 e agora vamos ampliá-lo. É fundamental que a educação seja avaliada, para sabermos onde estamos e onde queremos chegar”, afirma a secretária de Estado da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro.

Em 2007 a Secretaria possibilitou que o Saresp fosse comparado ao Saeb (avaliação federal da Educação). Neste ano o Saresp poderá ser comparado a ele mesmo, ou seja, ao Saresp 2007. Desta forma será possível verificar se houve evolução dos estudantes e das escolas.

Outra mudança no Saresp 2008 é a abertura à participação a prefeituras. Pela primeira vez a avaliação poderá ser aplicada também nas redes municipais de ensino. Com isso, todas as 645 prefeituras poderão implantar metas anuais para suas escolas, seguindo o modelo do Idesp (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo), lançado em maio pelo governo do Estado.

O Saresp voltou a ser aplicado pela Secretaria em 2007, após não acontecer em 2006. “Aos municípios interessados caberá arcar apenas com o custo de aplicação das provas. Todo processo de elaboração será da Secretaria de Estado da Educação”, relata a secretária Maria Helena.

Com a possibilidade de avaliar o aprendizado dos alunos e criar metas anuais (juntando o resultado do Saresp e o fluxo), as Prefeituras poderão acompanhar e exigir mudanças a suas escolas.

“É a gestão cooperada e compartilhada colocada em prática. A Secretaria está definindo a empresa que irá aplicar a prova, quando as Prefeituras poderão solicitar a inclusão de seus alunos”, diz Maria Helena.

Como será a aplicação do Saresp

1º dia

2ª série do EF: língua portuguesa

4ª, 6ª, 8ª do EF e 3ª do EM: língua portuguesa e matemática

2º dia

2ª série do EF: matemática

4ª série do EF: redação

6ª e 8ª série do EF: ciências e redação

3ª do EM: ciências (física, química e biologia) e redação