Aluno mais tempo na escola

Investimento em programas de alfabetização e incentivo à leitura são prioridades da Educação paulista

Aos sete anos de idade, as crianças matriculadas em escolas da rede estadual de ensino devem ter domínio sobre a escrita alfabética e competências do discurso oral e escrito. A meta de alfabetização é uma das prioridades da Educação dentro das ações voltadas à Educação Básica.

Programas de incentivo a leitura, como o Ler e Escrever, fornecem os instrumentos necessários para os alunos dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental adquirirem o domínio dessas competências. O Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (Saresp) e a Avaliação de Aprendizagem em Processo auxiliam a verificar o sucesso dessas ações, apontando os índices crescentes de alunos alfabetizados até os sete anos.

Ler e Escrever

Por meio do programa Ler e Escrever, a Educação desenvolve um conjunto de ações voltadas aos estudantes do 1° ao 5° ano do Ensino Fundamental, voltadas ao objetivo de alfabetizar todas as crianças até sete anos de idade matriculadas na rede estadual. Os alunos recebem formação, materiais pedagógicos e são acompanhados pelos professores que os estimulam a desenvolver competências relacionadas ao discurso oral e escrito.

Acesse a página do programa Ler e Escrever

Meta de alfabetização

A Educação assumiu o compromisso de alfabetizar os estudantes matriculados na rede estadual até os sete anos, uma meta pioneira no País. No restante do Brasil, os oito anos são a idade padrão para que as crianças aprendam a ler e escrever. Com as ações propostas pela Secretaria, essa meta já é realidade. Os resultados do Saresp já apontam que 95% dos alunos com sete anos matriculados na rede dominam a leitura e a escrita.

Conheça outras iniciativas voltadas para alunos do Ensino Fundamental

Saresp

O Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo (Saresp) é um exame externo que mapeia a qualidade de ensino da Educação Básica. O Saresp é aplicado desde 1996 e tem como objetivo diagnosticar o nível de aprendizado e condições socioeconômicas dos alunos dos Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio.

Saiba mais sobre o Saresp

Avaliação de Aprendizagem em Processo

A Avaliação de Aprendizagem em Processo é aplicada duas vezes ao ano para averiguar o nível de aprendizado dos alunos da rede estadual a partir do 2º ano do Ensino Fundamental até as séries do Ensino Médio. A partir dos resultados, a Educação produz orientações para os professores, com o objetivo de atuar na solução das dificuldades dos estudantes.

Conheça a Avaliação de Aprendizagem em Processo