segunda-feira, 09/04/2007
Últimas Notícias

Aluna de Escola Estadual do interior vai representar o Brasil em Campeonato Mundial de Damas na Alemanha

Delegação Brasileira será composta por 10 pessoas, sendo 7 atletas e 3 dirigentes, e embarcará para Berlim dia 12 de abril A estudante Patrícia Righi da Silva, aluna da oitava série da Escola Estadual Dr. Domingos de Magalhães, em Jaú, no interior do Estado, estará em Berlim, de15 a 24 de abril, para participar do […]

Delegação Brasileira será composta por 10 pessoas, sendo 7 atletas e 3 dirigentes, e embarcará para Berlim dia 12 de abril

A estudante Patrícia Righi da Silva, aluna da oitava série da Escola Estadual Dr. Domingos de Magalhães, em Jaú, no interior do Estado, estará em Berlim, de15 a 24 de abril, para participar do Campeonato Mundial de Damas, na categoria cadetes. A Delegação Brasileira será composta por 10 pessoas, sendo 7 atletas e 3 dirigentes, e embarcará para Berlim dia 12 de abril.

Trajetória

A relação de Patrícia com a modalidade teve início no ano de 2005 com o convite da professora Selma Oioli Pacheco, que a chamou para participar da Atividade Curricular Desportiva (ACD) da escola. A dedicação da garota fez com que, no mesmo ano, ela ficasse entre os integrantes das três melhores equipes na Final Estadual da Olimpíada Colegial do Estado de São Paulo, categoria mirim, realizada no município de Votuporanga.

Ano passado, Patrícia sagrou-se Campeã junto com as colegas de equipe, na mesma competição, no município de Barretos, em um jogo onde ela pôde demonstrar toda a habilidade com as peças de Damas. A parceria com o técnico Douglas Pacheco deu à aluna a chance de participar de Circuitos da Federação Paulista de Damas, Jogos Regionais e Jogos Abertos, vaga conquistada com o 1º lugar nos Jogos Regionais por dois anos consecutivos.

Escola unida

Todos os integrantes da equipe de Jaú são da Escola Estadual Dr. Domingos de Magalhães, e este ano, alguns já conseguiram vaga para o Campeonato Brasileiro de Damas. “Acredito ser um fato inédito para as Escolas Estaduais em se tratando do Jogo de Damas. Agora fica a torcida para que a modalidade seja incluída nos Jogos Escolares Brasileiros (JEBS), uma vez que todos os campeões das Olimpíadas Colegiais do Estado de São Paulo estão automaticamente classificados para o Brasileiro, com exceção dos jogadores de Damas”, lembra a diretora da escola, Maria Cecília Capellini Perez.

Celso Bandarra