sexta-feira, 29/01/2016
Educação Indígena

Região de Miracatu recebe uma nova escola indígena

A unidade atenderá Ensino Fundamental e Ensino para Jovens e Adultos

A Educação inaugurou mais uma unidade escolar indígena, desta vez na aldeia Djaikoaty, na cidade de Miracatu, interior de São Paulo. A unidade atende cerca de 30 alunos de Ensino Fundamental e Ensino para Jovens e Adultos. 

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook

“Esta escola está sendo uma boa oportunidade para nossa comunidade e para nossas crianças.  Isso vai fazer com esses jovens possam ser cidadãos do bem no futuro”, explica vice-diretora da E.E. Djaiko Aty, Sara Silva Rosário. 

Na escola indígena, as crianças aprendem outras disciplinas. “Ensinamos também inglês e ainda o resgate da língua tupi que para nós é muito importante e o quanto é bom eles estarem informados dos nossos direitos”, finaliza Sara. 

Antes da escola ficar pronta, adultos e crianças tinham aulas em uma casa com pouca estrutura, sem piso, com bambu. No dia na inauguração, o chefe de gabinete da Secretaria da Educação, Fernando Padula participou do evento. “Antes  as crianças estudavam em salas de aula com piso de terra e agora elas têm uma escola pré-montada de madeira e muito acomodada com cozinha, refeitório, salas de aula.  É uma conquista para a comunidade e para a educação indígena, educação escolar e para a preservação da cultura indígena do Estado de São Paulo.”

A dirigente regional de ensino de Miracatu, Ademilda Moreira Pereira Suyama, também esteve na data e destacou sobre a educação indígena. “A importância para mim da educação escolar indígena, é conseguir fazer com que as crianças permaneçam próximas de suas residências com uma unidade voltada para a educação escolar indígena. Todo professor e toda criança precisa de um espaço adequado para a aprendizagem”.

O prédio tem duas salas de aula, cozinha, refeitório, sala de informática, banheiros. A área construída tem 456,21 m2. A E.E. I. Aldeia Djaikoaty fica localizada na Régis Bittencourt, no bairro Lambari. Os indigenas da aldeia Djaikoaty pertecem a etnia Tupi Guarani.