domingo, 11/08/2019
Especial

No Dia do Estudante, onze curiosidades sobre a rede estadual

Você sabia que São Paulo tem 3,2 mil alunos idosos? E 1,6 mil jovens matriculados em escolas indígenas?

Dizem que todos somos eternos estudantes. Afinal, nunca paramos de aprender, seja sobre os conteúdos do vestibular ou sobre a vida e suas imensas possibilidades. Neste domingo (11) é celebrado o Dia do Estudante. Um dia de relembrar os milhares de professores, estudantes, servidores e profissionais que fazem, diariamente, uma escola melhor.

Separamos alguns dados da Coordenadoria de Informação, Tecnologia, Evidência e Matrícula (CITEM) que mostram algumas curiosidades da rede de educação de São Paulo, atualmente a maior rede regional em toda a América Latina. São 3,5 milhões de alunos matriculados em mais de 5.400 escolas espalhadas em todo o estado. Está entre as maiores redes públicas da América Latina.

Confira!

  • Há quase 276 mil jovens e adultos matriculados em cursos de Educação para Jovens e Adultos (EJA) e Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (CEEJA);
  • Destes, 3,2 mil são idosos, e portanto, possuem mais de 60 anos;
  • A Região Leste da capital abriga o maior número de alunos do estado totalizando mais de 330 mil estudantes;
  • A cidade de Guarulhos é a que possui mais matrículas, com mais de 137 mil alunos;
  • A maioria dos alunos matriculados na rede estadual é adolescente e têm entre 15 e 18 anos. Eles representam mais de 1,4 milhão de matrículas;
  • Mais de 60 mil alunos fazem cursos de idiomas em 200 unidades do Centro Estudo de Línguas (CEL);
  • São Paulo possui 1,6 mil alunos que estudam em 40 escolas localizadas em aldeias indígenas;
  • Mais de 38 mil alunos da rede estadual estão na zona rural;
  • Quatro escolas localizadas em quilombos no Vale do Ribeira atendem 220 alunos;
  • Há 18 mil alunos estudando em escolas dentro de 147 unidades prisionais em todo o estado;
  • Quase 5,9 mil jovens que cumprem medidas socioeducativas na Fundação Casa estudam nas escolas estaduais que funcionam dentro das unidades.