quinta-feira, 28/06/2018
Governo do Estado de São Paulo
Últimas Notícias

Palestra em São Paulo aborda as melhores práticas ambientais para jovens

A Unibes Cultural, na capital paulista, recebe nesta quinta-feira (28) a palestra "O Meio Ambiente e as Melhores Práticas."

Se a melhor herança que podemos deixar às próximas gerações é um planeta habitável, é de responsabilidade de todos semear as melhores práticas sobre meio ambiente e sustentabilidade ao público jovem. A questão é urgente, e ninguém melhor do que a juventude para crescer essa conscientização.

Com apoio do Governo do Estado de São Paulo, a Unibes Cultural, na capital paulista, recebe nesta quinta-feira (28) a palestra O Meio Ambiente e as Melhores Práticas. Gratuita, a sessão é voltada para jovens de 12 a 18 anos e aborda temas fundamentais para a preservação ambiental, como consumo e inovação, agricultura sustentável, planejamento das cidades e a importância dos mares. A palestra é parte do Fronteira Educação, um ciclo de debates voltado a estudantes, que busca discutir temas-chave para a compreensão dos tempos atuais. É a estreia em São Paulo do programa, original do Rio Grande do Sul.

“Vamos focar especialmente nas práticas que podem ser adotadas pelos alunos, por suas escolas e por suas famílias. Além de abordar as crises ambientais pelas quais o mundo está passando, serão expostos temas como biocapacidade, pegada ecológica, consumo, uso da inovação e da tecnologia para encontrar soluções ambientais, economia solidária, diversidade de plantio e sementes, reciclagem, valorização do pedestre no ambiente urbano e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU”, explica Francisco de Azeredo, responsável pelo Fronteiras do Pensamento, grupo por trás do Fronteira Educação.

Para o especialista, é fundamental educar os jovens sobre essas questões, pois embora o meio ambiente faça parte da vida deles, nem sempre cidadãos com essa faixa etária conseguem coloca-las na prática. Os meios de transporte, por exemplo, fazem toda diferença. “Andar de carro, de ônibus ou de bicicleta tem impactos diferentes. Nossos hábitos de consumo determinam a nossa pegada ecológica. Assim como o fato de reciclarmos o lixo em casa e na escola”, ilustra Azeredo. “O conhecimento das melhores práticas ambientais pode provocar mudanças sutis no plano individual, mas que representam uma grande mudança quando levamos o coletivo em consideração.”

Para prender atenção dos jovens sobre um assunto de vital importância, o Fronteira Educação alia o fascículo com a exposição dos professores especializados, contando com o apoio de apresentações no telão e de vídeos específicos com conteúdo do Fronteiras do Pensamento. Além disso, a interação com os alunos acontece durante todo o evento. Eles são convidados a participarem trazendo questões e vivências relacionadas ao tema.

A gestora de eventos da Unibes, Laura Gonçalves, destaca a importância de receber um evento como esse no espaço cultural paulista. “São temas que os jovens não verão tão fácil por aí. Não com tanta dinâmica e didática. São assuntos fundamentais para o futuro do planeta. Sempre buscamos orientá-los a respeito de meio ambiente, cidadania, tolerância, igualdade. Para nós é muito importante sermos anfitriões de palestras de especialistas que têm material impecável na mão.”

A palestra acontece das 10h30 às 12h e é limitada a 250 lugares. As inscrições estão abertas em unibescultural.org.br. O espaço cultural é localizado na Rua Oscar Freire, 2.500, ao lado do metrô Sumaré. Mais informações: 11-3065-4333.